Imagem capa - O que realmente enriquece minha vida não é a experiência: É a observação.  por Suzanny Carvalho

O que realmente enriquece minha vida não é a experiência: É a observação.

Esse post já começará com a seguinte OBSERVAÇÃO. Acabo de terminar um post e na hora de salvar cliquei no lugar errado e perdi ABSOLUTAMENTE tudo, digo TUDO que tinha escrito. Mais como vida se fosse fácil não era chamada de vida vamos em frente... Vamos começar aquilo que já tínhamos terminado com a mesma INTENSIDADE, VERACIDADE e ALEGRIA


Preciso deixar registrado como tudo começou na minha vida, assim como esse blog (que esta começando hoje), minha jornada ainda nem chegou no meio portanto se não tiver MUITOOO disposto a ler, salva nos favoritos e entra para ler quando tiver afim. rsrssrsr


     Comecei a me interessar graças a tão sonhada graduação dos sonhos PUBLICIDADE E PROPAGANDA que comecei por conta de uma feira de profissões pois me informaram que eu era uma pessoa bastante criativa e amava criar uma rotina diferente do comum. Daí fui seguir conselho e entrei numa graduação ao qual no segundo período me pedia para que eu decidisse que área seguir e o que eu gostaria de fazer dentro de publicidade, foi ai que me perdi completamente e achei que tava louca quando comecei algo sem nem pesquisar a fundo, desde então, tudo que começo eu primeiramente PESQUISO, ESTUDO, ANALISO e aí sim MERGULHO NAS PROFUNDEZAS, rsrsrss.                Quando me fizeram essa pergunta eu não soube responder e disse que podia fazer um pouco de tudo (Estava ficando louca novamente, porque nem se eu fosse um "polvo" com vários braços conseguiria fazer tudo com maestria, porque quem conhece pelo menos o básico de publicidade sabe que uma área já é bastante coisa imagina todas as áreas). 

          Foi então que em 2014 meu curso me faz conhecer mais sobre fotografia e aí sim levei um EMPURRÃOZÃO da vida. Logo que comecei a estudar sobre o assunto me apaixonei mas não podia simplesmente começar a trabalhar com algo que me encantava (até porque hoje não encanto só a mim como encanto a várias pessoas que é meu público). E então busquei sonhar alto e ir em busca de porque eu gostei com tanta facilidade, eu aprendia e estudava (principalmente, rsrsrsr, brincadeira), com tanta facilidade sobre o assunto.


Comecei a buscar muito mais sobre o que é FOTOGRAFIA do que COMO SER UM FOTÓGRAFO, fui atrás de ESTUDAR A ARTE e não em COMO GANHAR DINHEIRO. Hoje sou o que sou pelo que fui a quase 5 anos atrás. Busquei me conhecer melhor para conhecer o que eu realmente queria trilhar e conhecer a frente. A principio fotografar era minha felicidade mais conforme comecei a estudar mais sobre, descobri que estava faltando algo para completar essa minha felicidade. E até hoje me perguntão se eu não desisti quando dúvidas como essa me surgiam e a resposta será sempre a mesma penso: em desisti até dias atuais mais a força de vontade, felicidade e amor é muito mais forte que qualquer pedra no caminho. Em 2015 comecei a trabalhar profissionalmente com fotografia mais antes disso fui atrás de estudar e saber o que eu gostaria de fotografar. E aí saí para fotografar Holanda, Portugal, Paris, Marco Zero - Recife, Olinda - Alto da Sé e por aí vai, rsrsrsrsrs. Comecei com muito pra você talvez para mim o muito não era nada, estava começando e me conhecendo. Saia na rua para fotografar o nada e chegava em casa com tudo nas mãos. Meus olhos brilhavam quando eu via uma planta roxa ou uma árvore mas meu coração acelerava quando eu via um casal passeando ou crianças brincando. 

Nunca desisti de ser o que sou e nunca desistirei de ser o que ainda vou ser.


* Alguns cliques realizado na Europa no tempo que estive por lá.



Comecei a ver que o que eu queria busca e passar nas minhas fotografias e sempre obtinha respostas nós cliques que fazia que era sentimento, momentos reais, alegrias, tristeza e sempre buscando contar histórias através de cada fotografia feita. Comecei assim a ver o que eu gostava de fotografar e aí sim comecei a estudar isso. Não é simplesmente fotografar e sim é AMAR A FOTOGRAFIA QUE SE FAZ e FOTOGRAFAR COM AMOR O QUE SE AMA que é a oitava maravilha da vida, rsrsrsrsrs. 

          Eu amo fotografar seja paisagens, prédios ou pessoas. Mais eu sou muito mas feliz quando fotografo A REALIDADE, HISTÓRIAS REAIS, SENTIMENTOS REAIS... Minha felicidade é essa. 

E esse é o maior e melhor desafio, ME DESAFIAR. E assim eu fiz e farei para sempre, se desafiarei. Não é simplesmente clicar e entregar. È amar antes, amar durante, amor ao entregar e amar para sempre. Trabalhar com pessoas independente de sua cor, gênero ou  religião e conhecer mais de cada uma a história que existe por trás de cada uma das pessoas para mim é o que sempre buscarei. No começo um pouco tímida (reconheço) hoje mais discreta porém muito mais exigente comigo mesma. Viver o momento como se fosse meu é incrível. Já vivi e estive em lugares que nunca nem imaginei estar de quanta coisa nova aprendo a cada dia. Consigo viver a história de cada pessoa, de cada sorriso, de cada abraço, de cada olhar, de cada VIDA. <3 

Fim do texto...

Porque na história num chegou num na metade, rsrsrsr.


Obs.: Contei um pouco do que sou, aonde estou e para onde vou de forma bem resumida, prometo que escreverei um livro futuramente, rsrsrsrsrsrsr (Tô brincando mas não descarto a ideia).